Manuela Ferreira Leite e o problema da verdade

O PSD, como partido, est hoje em dia mais ou menos na mesma situao que o Benfica, como clube de futebol. Aquilo de que mais precisa que algum tenha a coragem de dizer: “no podemos ganhar, primeiro temos que limpar a casa e isso ainda vai demorar uns aninhos”;mas acontece que as bases/adeptosno o aceitam. Por isso que podem bem votar em Santana como votariam em Menezes ouno Palhao. E por isso que, mesmo que ganhe, Ferreira Leite vai levar um partido que no a quer.

Manuela Ferreira Leite tem esprito de misso e creio que j percebeu – como Pacheco Pereira -que o partidoprecisa que parar para reflectir no que pretende ser, mesmo que nesse processo corra o risco de se cindir. Por isso, a menos que a inpcia socialista seja tanta que lhe joge o poder no colo (como aconteceu com Scrates), o PSD no vai ganhar em 2009 e vai arrastar-se pelo meio. Isto o que ela sabe que tem que dizer ao partido. Mas tambm sabe que no isto que o partido pretende ouvir. A histria do “no-esperem-que-eu-mude-de-imagem-porque-eu-sou-como-sou” apenas um epifenmeno deste finca-p que Manuela Ferreira Leite sabe que temque fazer para “dobrar” o partido.Ter maisou menos condies para o conseguir consoante a votao que traga das directas Pedro Santana Lopes. Se vier fraco talvez se cale, se vier forte vai fazer-lhe a vida negra. E o partido est comele.

Mais ainda que o PS, o PSD, nestes 34 anos de democracia, deixou-se enredar na politiquice ao ponto de esquecer qual a sua matriz poltica. Com a agravante de as matrizes polticas serem hoje uma coisa muito fora de moda. Por isso, precisa de se refundar. Precisa de se voltar para dentro e fazer uma reflexo profunda sobre qual o projecto poltico que pretende apresentaraos portugueses antes de poder aspirar a ganhar o poder.No quadro da actual eleio, Passos Coelho o nicoque apresenta uma proposta (vagamente liberal), Ferreira Leite sabe que a reflexo tem que ser feita, mas hesita em apontar um caminho (porque sabe que a sua voz “pesa” mais que a de Passos Coelho, o que impe responsabilidade) e Santana, por ele, no mudava nada e caminhava alegremente para o abismo.

O que Manuela Ferreira Leite espera ganhar o pas para poder ganhar o partido. Apresenta-se com o sentido de Estado e aquela maneira “sria” de fazer poltica (um pouco asceta, mesmo) na esperana de que bons nmeros nas sondagens lhe valham como trunfo junto dos militantes. Porque no h nada de que os militantes do PSD gostem mais do que do cheiro a poder. Com isso, Manuela Ferreira Leite espera ganhar o partido. E espera ganh-lo com nmeros (grandes os seus, pequenos os de Santana) que lhe permitam dizer: “meus amigos, hoje no vamos ganhar; hoje vamos reflectir”. Uma misso impossvel, portanto. Pelo menos at prova em contrrio…

Esta entrada foi publicada em Sem categorias com as etiquetas , , , , , , , . ligação permanente.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s