Autêntica

A revista Autêntica é publicada trimestralmente pela Unicer e distribuída gratuitamente pela base de dados da empresa. O design e concepção é da Terradesign e já tem sido premiado em anteriores ocasiões.  Eu recordo, por exemplo, a edição dedicada à transparência como umadas mais surpreendentes.

Na sua edição nº8, que acabei de receber, a Autêntica tem por tema o dinheiro e brinda-nos com esta estranha capa: um profundo negro brilhante com um euro no meio. Podia ser um euro de plástico, de cartão ou até de papel. Mas não. É um euro a sério. Uma moeda de um euro colada na capa. A explicação está logo na página seguinte e diz qualquer coisa como isto: “A moeda de euro que vê nesta capa parece simbólica mas é uma parte dos 10.000 euros que a Unicer destinou para apoiar a Associação Acreditar -que apoia as famílias das crianças com cancro. Retire-a da revista e ofereça-a a esta associação. E, se puder, dê mais. É apenas um gesto, mas o nosso desejo é que valha muitos sorrisos.

No editorial, Joana Queiroz Ribeiro,  a directora, reforça a ideia: “Com a ajuda de todos será muito mais fácil multiplicar por 2, 3, 4, quem sabe até por 5, os 10.000 euros que a Unicer destinou para ajudar as crianças apoiadas pela associação Acrditar.” 

O modus operandi está um pouco mais à frente, na página 57, com um envelope RSS endereçado à Acreditar.

É impossível não reparar no carácter brilhantemente engenhoso desta concepção. A primeira sensação é de envolvimento. É-me impossível tirar aquela moeda e metê-la no bolso. Seria imoral. Também não consigo deixá-la colada à revista, porque além de igualmente imoral seria profundamente estúpido. Resta-me portanto pegar nela e metê-la no envelope. Mas serei capaz de o fazer sem juntar mais uma moeda ou trocá-las por uma nota? Não será igualmente imoral que eu use o euro da Unicer para ajudar quem precisa e não junte um euro dos meus?

Obviamente merece os parabéns quem ”inventou” esta campanha e a Unicer por ter tido a coragem de a abraçar. Não sei quantos envios são feitos desta revista (10.000?), mas não deve ser fácil fazer aprovar isto junto de uma administração. Quem fica a ganhar,  obviamente, é a Acreditar e não me custa a crer que os 10.000 euros se transformem em bastante mais. 

Como sou sortudo e recebi dois exemplares vou guardar um para recordação - com euro na capa – e enviar o outro com uma nota de cinco.  Acho que assim fica bem! 

Advertisement

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s