Xerxes está volta à jukebox deste blogue a propósito do lançamento do seu primeiro trabalho discográfico. Já aqui tínhamos feito referência a este “som” quando ele ainda era um ilustre desconhecido (que ainda é…), mas agora já tem um site próprio, editou na Hellven, e, o mais curioso e sugnificativo de tudo, permite o download integral do disco, assim como da maior parte da sua criação anterior aqui.

Uma lição para muitos artistas e sobretudo um grande ponto de interrogação sobre o sentido da arte, mesmo que seja popular.

Esta entrada foi publicada em Não catalogado. ligação permanente.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s