Dois para a viagem

Post 1.
Sobre os incêndios pode-se escrever e dizer quase tudo, mas uma evidência permanece: como já escrevi há mais de um ano em “calor” semelhante, não há nada que a mãe natureza não consiga. O norte de África está “emigrar” para a Europa e tudo o resto são ninharias: os meios, os pirómanos, as populações em luta, os ministros, etc.

Post 2
Independentemente de todas as (muitas) discussões que se têm desenrolado à volta da Ota e do TGV, é verdade o que o ministro Mário Lino escreveu no Diário Económico: estes projectos já existiam antes e nunca antes se tinham levantado tantas vozes contra. E porquê? Porque agora a Ota e o TGV são argumentos de luta política, nada mais. Pela parte que me toca, o problema técnico transcende-me. As grandes obras públicas como motor da recuperação económica é que é o tema político que devíamos estar a discutir, técnicos e não técnicos. E esse está a passar completamente ao lado de toda a discussão.

Anúncios
Esta entrada foi publicada em Não catalogado. ligação permanente.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s